quinta-feira, 29 de agosto de 2013


 
AS MINHAS BIGNÓNIAS
 


A Bignónia vermelha (Campsis radicans) está agora em plena floração e vai continuar a oferecer-nos este “fogo de artifício” durante todo o Verão. A exposição soalheira desta trepadeira favorece-lhe uma floração abundante. Está enleada na grade juntamente com uma Bignónia rosa (Podranea ricasoliana), de modo a obter-se um efeito mais espectacular pelo contraste das cores.
 


São ambas de folha caduca e necessitam de poda na época própria, porque os seus ramos atingem todos os anos um grande desenvolvimento. 



Nas primeiras três fotos aparecem as folhas lineares de uma Cana-de-açúcar  (Saccharum officinarum) e na última as flores da Bignónia rosa atravessadas pelo sol da tardinha. 

 
 

Todo o muro que lhes serve de fundo está forrado pela Vinha-virgem-do-Japão (Parthenocissus tricuspidata), cujas folhas começam a ficar com belos tons de vermelho no fim do Verão, passando, depois, gradualmente, a tons de castanho, até caírem durante o Outono.  

Sem comentários:

Enviar um comentário